ASSISTA OS NOSSOS PROGRAMAS

quarta-feira, 1 de abril de 2009

Intel-ISEF terá nove representantes brasileiros

Foram anunciados em 20/03 na FEBRACE, os nove projetos que irão representar o Brasil na Intel-ISEF (International Science and Engineering Fair). O evento será de 10 a 15 de maio nos Estados Unidos. A Intel-ISEF é a maior competição internacional de estudantes pré-universitários, com representantes de cerca de 50 países.
Entre as pesquisas selecionadas para a Intel-ISEF está um dispositivo eletrônico que mede a umidade do solo e aciona sozinho o sistema de irrigação, um protetor solar feito de substâncias extraídas do urucum e um sistema que aproveita o CO2 na geração de energia. São projetos desenvolvidos por estudantes da 8.ª série do ensino fundamental e do ensino médio e técnico, de várias regiões do País.
Os representantes brasileiros na Interl-ISEF foram selecionados entre os 282 participantes da 7ª edição da FEBRACE – Feira Brasileira de Ciências e Engenharia. O anúncio dos escolhidos para a Intel-ISEF foi feito durante a cerimônia de encerramento da FEBRACE na Faculdade de Direito da USP, em São Paulo. promovida anualmente pela Escola Politécnica da USP, por meio do Laboratório de Sistemas Integráveis, a FEBRACE tem o objetivo de estimular a cultura investigativa, de inovação e empreendedorismo na educação básica brasileira. Confira abaixo a relação dos selecionados, com a descrição dos projetos.

Representantes das regiões Sul e Sudeste:
- Felipe Augusto Vitoriano
Escola Dona Sinhá Neves, São João del-Rei – MG
Projeto: Dispositivo eletrônico com sensor de umidade para acionamento de sistemas de irrigação.
Descrição: Aparelho mede o nível de umidade do solo junto às plantas e liga/desliga o sistema de irrigação de acordo com a necessidade estabelecida previamente para o vegetal.

- Rafael Telis Gazzini Pessoa
CEFET MG, Belo Horizonte – MG
Projeto: Motor a reação por compressão através de ondas de choque e aceleração autônoma.
Descrição: Motor ecologicamente correto para aviões supersônicos. Faz uso de biocombustíveis e tem uma engenharia de fabricação e manutenção de baixo custo.

- Camila Blume Zilles, Duhanne Machado Schlarlau e Jenifer Teixeira Severo
CEFET RS, Sapucaia do Sul – RS
Projeto: Sequestro de carbono: estudo realizado com árvores exóticas e árvores nativas do Sul do Brasil.
Descrição: Pesquisa mediu o sequestro de carbono realizado por dois tipos de árvores: exóticas e nativas. A conclusão foi de que as espécies nativas do Sul do Brasil retiram mais carbono do ambiente do que as exóticas.

Representantes das regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste:
- Thiago Rodrigues de Anchieta Silva
Centro Estadual Dorgival Pinheiro de Sousa, Imperatriz – MA
Projeto: Fibra do buriti: uma alternativa ao isopor
Descrição: Espécie de ‘isopor’ produzido com o pepiolo – fibra da parte interna do buriti. Descobriu-se que esse vegetal tem propriedades térmicas semelhantes as do isopor com a vantagem de ser biodegradável.

- Jonathan dos Santos Lima
Fundação Bradesco – Escola de Canuanã, Formoso do Araguaia – TO
Projeto: Esterilizador solar para tratamento de substratos utilizados na produção de mudas.
Descrição: O objetivo era descobrir como eliminar ervas daninha do solo antes do plantio das mudas. Pesquisa testou materiais que poderiam ser utilizados no processo de esterilização de substratos entre eles PVC, alumínio e garrafa pet.

- Jorge Elias Araújo Ferraz, César Rocha Freitas e Diallyson de Morais Maia
Colégio Estadual Manoel Vilaverde, Inhumas – GO
Projeto: Carbono e CO2: uma nova fonte de energia.
Descrição: Estudantes capturam gases que continham Carbono CO2, que são liberados na atmosfera – como substâncias de escapamento de carros e chaminés de fábricas – quebraram essas moléculas por meio de reações químicas gerando o ácido carbônico. O ácido resultante tem alto poder energético e pode ser utilizado como ser fosse uma pilha.

Representantes do Estado de São Paulo
- Ivan Lavander Ferreira
Instituto Butantan, São Paulo – SP
Projeto: Antibióticos em ovos de aranha
Descrição: Pesquisador isolou substâncias presentes em ovos de aranha as quais podem vir a ser usadas na produção de antibióticos.

- Bruno Fernando de Oliveira Buzzo
Colégio Koelle, Rio Claro – SP
Projeto: Estrato de B. orellana L. (urucum) no desenvolvimento de protetores acessíveis contra melanomas e carcinomas.
Descrição: Pesquisa buscou criar um protetor solar, de baixo custo, a partir de sustâncias extraídas do urucum.

- Ana Cláudia Cassanti, Ana Clara Cassanti e Felipe Seabra Fernandes
Colégio Dante Alighieri, São Paulo – SP
Projeto: Consciência e ação: metodologia de educação ambiental (refletir globalmente, discutir comunitariamente e agir conjuntamente).
Descrição: Estudantes coordenaram palestras e atividades criativas – como plantio de árvores e recolhimento de lixo – sobre o tema educação ambiental junto a outros jovens.


*Acadêmica Agência de Comunicação*
*
*
*
Publicidade
Preços e estoque por tempo limitado: