ASSISTA OS NOSSOS PROGRAMAS

sábado, 14 de maio de 2016

UNASUL TENTA SE METER NAS QUESTÕES POLÍTICAS DO BRASIL E É REPUDIADA POR JOSÉ SERRA

Ao verem Dilma Rousseff ser afastada do poder, o Secretário Geral da UNASUL - União da Nações Sul Americanas, Ernesto Samper, citou durante uma entrevista que "existem atores políticos no Brasil, fazendo política sem responsabilidade". 

O discurso do Golpe atravessou fronteiras e mobilizou os líderes de Dilma, parceiros no plano comunista do Foro de São Paulo.

Em repúdio às manifestações, José Serra (Ministro das Relações Exteriores) declarou: " Os argumentos apresentados, além de errôneos, deixam transparecer juízos de valor infundados e preconceitos contra o Estado Brasileiro. Transmitem interpretação absurda de que as liberdades democráticas, o sistema representativo, os direitos humanos e sociais e conquistas da sociedade se encontrariam m perigo".

Além disso, José Serra também repudiou as manifestações dos governos da Venezuela, Cuba, Bolívia, Equador e Nicarágua.