ASSISTA OS NOSSOS PROGRAMAS

domingo, 6 de fevereiro de 2011

AMARAL ARRECADA DOAÇÕES PARA VÍTIMAS DE CATÁSTROFE

Fotos: Ariane Urbanetto/ Assessoria de Imprensa HAC

Amaral mobiliza comunidade e arrecada doações para vítimas de catástrofe
Instituição coleta mais de dois mil itens e 600 quilos de roupas

A Fundação Amaral Carvalho encabeçou de 18 a 21 de janeiro campanha em benefício da população acometida pelas enchentes e deslizamentos de terra na Região Serrana do estado do Rio de Janeiro, que atingiram o local na primeira quinzena do mês. Foram arrecadados mais de dois mil itens entre provisões básicas alimentícias e higiênicas, além de cerca de 600 quilos de roupas.
Dentre as doações, o Hospital Amaral Carvalho conseguiu somar mais de 180 quilos de macarrão, 200 litros de leite, 200 litros de água mineral, 300 sabonetes e 600 quilos de roupas, que junto a outros itens foram encaminhados às vítimas das chuvas.
A iniciativa partiu do próprio corpo de funcionários da instituição. "Diante das notícias encontrávamo-nos solidários com os familiares das vítimas das enchentes no Rio. Fizemos todas as solicitações dentro da instituição e conseguimos auxílio de vários setores, que foram primordiais durante toda a campanha", diz Evandro Pecori, encarregado do Almoxarifado do HAC, que ao lado de Elaine Bueno, enfermeira-chefe da Central de Materiais Esterilizados, organizou a campanha dentro da instituição.
As doações vieram de vários funcionários e da comunidade jauense. A Entidade de Voluntárias Anna Marcelina de Carvalho, também ligada ao HAC, ajudou com uma quantidade significativa de alimentos, roupas, calçados e materiais de higiene. Os materiais coletados foram encaminhados às vítimas nesta semana por meio da rede de supermercados Jaú Serve.
"O apoio da comunidade de Jaú e dos colaboradores da FAC foi de extrema importância para as vítimas. Entendemos que esta foi uma oportunidade de retribuir uma pequena parte do que muitas pessoas fazem pela FAC. O nosso sentimento foi de extrema satisfação em poder ajudar o próximo diante da grande tragédia", conclui a enfermeira Elaine.

Chuvas na região serrana
Chega a quase 30 mil o número de desabrigados e desalojados nas cidades da Região Serrana do Rio de Janeiro atingidas pelas chuvas de 11 de janeiro, informou na quinta-feira, 27, a Coordenação da Defesa Civil estadual, citando o mais recente balanço passado pelas defesas civis municipais. Segundo o relatório, são 8.814 desabrigados e 20.996 desalojados, chegando a um total de 29.810 pessoas. De acordo com as prefeituras das cidades atingidas, o número de corpos resgatados chega a 845. Pelos últimos levantamentos dos municípios, ao todo são 405 em Nova Friburgo, 344 em Teresópolis, 67 em Petrópolis, 22 em Sumidouro, 6 em São José do Vale do Rio Preto e 1 em Bom Jardim. Choveu cerca de 300 mm em 24 horas na região, conforme informa o Instituto Nacional de Meteorologia. (G1).

* Bruna Oliveira